As opções da Calle Ponzano

5 restaurantes mega românticos em Madri
Os melhores cafés-da-manhã de Madri

As opções da Calle Ponzano

Se você é fã de instagram, busque o hashtag #ponzaning.

Essa é a forma divertida como os madrilenhos nomeiam o ato de passear, comer e beber bem na Calle Ponzano no coração castiço da cidade.

No bairro de Chamberí, a rua alberga muitas opções de restaurantes e bares, alguns deles com muita evidência e provocando um efeito hipster sem igual. Segue abaixo algumas opções que valem à pena.

Sala de Despiece

É o lugar da moda e o motivo é óbvio, uma vez que você entra lá (primeira tarefa difícil). Tudo é diferente, dos garçons (segunda tarefa difícil: parar de prestar atenção neles) ao cardápio. Não espere mesas e comodidade: tudo acontece no balcão e há muita gente. O nome e o local fazem lembrar uma cãmara de frigorífico com caixas de isopor no teto. Os pratos têm um toque de antes e depois. No nosso caso, provamos o Flan de Queso con Cajita de Frutos del Bosque. Por um lado recebemos uma caixinha (mesmo) com frutas frescas vermelhas e por outro lado, recebemos um potinho com o aparente flan e outro saquinho com bolinhas. Nos olhamos por alguns segundos, até que o exótico garçom que me lembrava o Marcelo Tas na época do Professor Tiburcio, disse que estávamos fazendo tudo errado. Em um toque de ira, verteu os dois potinhos o de vidro com o flan e o de plástico com as frutas no papel de embalar. A mistura foi bonita, impulsiva e deliciosa. Em outras palavras, Sala de Despiece não é um restaurante ou bar, é uma experiência.

IMG_20150531_202040IMG_20150531_202739

A cerveja artesanal La Virgen é muito boa.

IMG_20150531_201930

Nosso antes e depois sobre a intervenção da sobremesa.

Muta Bar

O Muta Bar é criação de Javier Bonet, o mesmo chef da Sala de Despiece. Gostei menos dessa opção, mas há que reconhecer que a ideia e o local também dão o que falar. O espaço tem uma cozinha, três barras e várias mesas que remetem a caixas e que a versatilidade remete a ideia original de ser mutante. O cardápio e o conceito mudam a cada temporada. O bar me chamou a atenção quando cozinha comida brasileira. Não pude provar. Minha primeira experiência foi o Muta Norte. Não sei se foi esse contexto que me animou mesmo (sou uma apaixonada pela comida do norte da Espanha) e acho que fui um pouco criteriosa com os ingredientes e opções.

 

IMG_20150531_202823IMG_20150531_183629_1IMG_20150531_183549IMG_20150531_183459

La contraseña

Muito mais madrilenho moderno, mas com um jardim estonteante, o La Contraseña convida a fugir do barulho da rua e esconder-se nesse jardim, apreciando um bom vinho. Em Madri, às vezes é difícil encontrar lugares silenciosos para comer e esse ganhou pontos por isso. Os pasteizinhos de maçã com sorvete são coisas de outro mundo. Vale a visita.

IMG_20150531_202145

Também me indicaram o Taberna Pedraza e o Lambuzo, mas ainda não pude provar.

 



Written by conexaomadri

Sou uma apaixonada por Madri e modestia à parte, sinto que conheço cada pedacinho da cidade como se fosse a palma da minha mão. Razão normal depois de 5 lindos anos vivendo nessa linda cidade.
Website:

1 Comment
  • Paula Amaro says:

    Eu adoro os restaurantes da Ponzano, principalmente a Sala de Despiece, assim como os otros dois projetos de Javier Bonet, o Muta e a Academia de Despiece.Desses que você recomendou o Lambuzo é o único que nao conheço. A Taberna Pedraza é excelente, mas não fica na Ponzano, e sim na Calle Ibiza, no Retiro.

Leave a Reply

A capital espanhola é mais que um cenário de Almodóvar. Fuja dos tópicos turísticos como visitar só o Corte Inglés e o estádio do Real Madrid, Santiago Bernabeu, porque Madri é mais que tudo isso: é uma cosmopolita com sede de festa e boa vida. Confira as dicas do blog para não cair no erro do típico turista.
PUBLICIDADE
Siga a gente no Twitter
ARQUIVO
Estamos no Bloglovin
Follow on Bloglovin
%d bloggers like this: